Make your own free website on Tripod.com

VIR AO ENCONTRO DE / VIR DE ENCONTRO A

Com o título Mas afinal que Bolshoi é esse?, "O Estado de S. Paulo" do dia 20 de março último traz matéria sobre a inauguração, em Joinville (SC), da Escola do Teatro Bolshoi. A articulista, Helena Katz, transcreve trecho do discurso do Ministro da Cultura, Francisco Weffort, na solenidade realizada no Centreventos Cau Hansen na noite anterior: "Venho, em nome do Professor Fernando Henrique Cardoso, Presidente da República, e no meu, que o represento neste momento, e em nome da cultura no Brasil, dizer a Joinville simplesmente duas coisas: obrigado e parabéns. Obrigado por este fenômeno histórico mundial, cuja significação para a cultura brasileira é excepcional e que vem de encontro ao que praticamos como política no nosso Ministério, que vem buscando resgatar o nosso senso de dignidade nacional; e parabéns por Joinville estar se tornando não apenas a capital da dança clássica no Brasil como de toda a América Latina".
Não podemos deixar de apontar a gafe cometida pelo representante governamental: ao invés de dizer que a abertura de tal escola é tudo o que o seu Ministério quer e pratica, acabou dizendo que ela contraria a política cultural do governo!
Vir de encontro a e vir ao encontro de são duas expressões semelhantes na forma mas opostas na idéia que exprimem. É importantíssimo saber a diferença entre elas, não só para interpretar corretamente um texto (supondo que ele esteja correto) como para informar de maneira precisa o que se quer dizer ao usar tal expressão. O problema é que ambas podem se encontrar no mesmo tipo de frase, por exemplo:

1. A promessa veio de encontro aos nossos desejos. 
2. A promessa veio ao encontro dos nossos desejos. 

Dependendo da promessa, você escolhe a primeira ou a segunda opção. Em (1), o prometido deve ser desagradável, ruim, pois de encontro a dá idéia de oposição, contrariedade. Em (2), o sentido da frase muda completamente, pois ao encontro de sugere algo agradável, bem-vindo; dá idéia de favorecimento.
Portanto, ao ler cada uma das frases abaixo, você a interpreta conforme a expressão em uso: 
Sem dúvida, a construção de uma usina termelétrica virá de encontro aos interesses dos habitantes da localidade a ser atingida.
Os homens públicos devem vislumbrar saídas que venham ao encontro das aspirações não só do seu eleitorado mas de toda a população.
"O deficiente só dá audiência [na TV] porque vem ao encontro de nossos desejos mais íntimos de saciar a curiosidade sobre um assunto proibido."
- A instalação de uma feira no bairro vem de encontro à vontade da minoria abastada.
Em suma, a interpretação depende do contexto. Em geral a própria frase ou o parágrafo traz uma palavra negativa ou positiva que corrobora a expressão utilizada. 

Observe os grifos: 
Os noivos subiram a escadaria da igreja para ir ao encontro da felicidade.
Acho ótima sua idéia. Ela vem ao encontro do que eu tinha imaginado.
Infelizmente seu projeto vai de encontro ao desejo da maioria.
Essa medida arbitrária virá de encontro às aspirações da sociedade.

Além disso, as expressões são usadas no seu sentido mais óbvio, de encontrar mesmo, por um lado, e de bater, ir contra, por outro, como nos seguintes exemplos:
Subiu a rampa para ir ao encontro do Presidente.
O carro desgovernou-se e foi de encontro ao muro.

Guarde este resumo:
Ao encontro de: para junto de favorável a
De encontro a: contra.

Maria Tereza de Queiroz Piacentini
autora dos livros "Português para Redação" e "Só Vírgula"
diretora do Instituto Euclides da Cunha
www.linguabrasil.com.br

Voltar à seção Gramática

Voltar à Página Principal